Aplicação e Manutenção

Home / Aplicação e Manutenção

A correcta colocação do Grés Porcelânico não só realça a beleza estética como também pode evitar desprendimento dos mosaicos aplicados ou rotura dos mesmos causados por agentes externos.

  1. Durante a aplicação, aconselhamos tirar da palete 5 a 6 caixas simultaneamente e misturar as peças de modo a obter uma tonalidade homogénea no pavimento. A superfície de colocação deve estar bem nivelada e perfeitamente limpa de pó, gorduras, resto de pinturas que possam causar a má aderência. Estender o cimento cola sobre o suporte com uma régua dentada (pente) com aproximadamente 8 a 10 mm de altura. Colocar os mosaicos sobre o cimento fresco, pressionando as peças, exercendo um pequeno movimento de vaivém para conseguir a maior cobertura do dorso do mosaico, respeitando a junta de dilatação estabelecida. Esperar como mínimo 24 horas desde a finalização da aplicação até ao início do rejuntamento.
  2. Aplicar os mosaicos com juntas de dilatação (mínimo 3 e 4 mm) em função do formato e efeito estético pretendido, utilizando para isso, cruzetas de espaçamento. Previsto pelas normas, esta recomendação é indispensável para produtos cerâmicos cozidos a altas temperaturas. Também permite alinhar os mosaicos, uns pelos outros, facilita a limpeza e higiene dos pavimentos. As juntas de dilatação devem estar limpas de fragmentos ou sujidade com uma profundidade uniforme. Para o rejuntamento do Grés Porcelânico, é recomendado humedecer a superfície previamente e aplicar o cimento com uma espátula de borracha dura, efectuando repetidas passagens em diagonal sobre as juntas, limpando as sobras de cimento com a mesma espátula. Antes de secar, a limpeza deve ser feita com uma esponja fina, escorrida em água limpa. Proteger o pavimento com cartões ou plásticos grossos se a obra não estiver concluída, sendo necessário executar trabalhos posteriores que possam danificar o pavimento aplicado.
  3. Em caso de aplicação sobre pavimento existente, para eliminar as diferenças de planaridade (irregularidade de superfície) e favorecer uma boa aderência, é aconselhável lixar a superfície com um disco abrasivo de grão ou colocar uma camada de produto autonivelante.
  4. Na pavimentação de grandes superfícies, interiores ou exteriores, é indispensável prever uma junta elástica de dilatação (em todo o seu perímetro e internamente) conforme as prescrições normativas de aplicação.
  5. Após a aplicação dos mosaicos, é conveniente proceder à limpeza da superfície aplicada, utilizando detergentes de base ácida para eliminar os resíduos calcários. Para proteger as juntas é importante molhar a superfície antes da aplicação e limpar a água com um pano seco.
  6. Para a manutenção quotidiana, utilizar detergentes tradicionais seguindo as recomendações do fabricante. Em presença de manchas difíceis, é importante identificar o tipo de mancha afim de evitar utilizar produtos não adaptados que possam manchar ainda mais os mosaicos.

 

Para eliminar manchas ou outro tipo de sujidade é aconselhado utilizar:

Usar de muita prudência na utilização de ácidos ou de outros produtos químicos concentrados. Seguir atentamente as instruções dos fabricantes indicados nas embalagens.

As excelentes Características Técnicas do Grés Porcelânico, tais como a baixíssima porosidade (absorção de água) que garante a resistência ao gelo, a elevada resistência à flexão e à abrasão, para além da sua beleza estética, permite ser aplicado em interiores e exteriores em zonas residenciais ou serviços, hotéis, centros comerciais, escolas, restaurantes, terraços, etc.

Informamos que o nosso website encontra-se em atualização.


Pedimos desculpa por qualquer incómodo!